Sexo Anal – prática crescente?

Postado em: Tudo Sobre Sexo por Mustafá Jarouche em 31-07-2007

Dúvidas sobre sexo e sexualidade?:

Há um movimento na mídia, nas discussões de bares, na sociedade em geral que nos últimos anos a prática do sexo anal tornou-se uma tendência nas relações heterossexuais, sendo praticada por homens e mulheres.

O sexo anal: é um tabu em nossa sociedade, principalmente, no universo feminino. Embora esta relação sexual, interpretada pelo senso comum, como ligada a pornografia e a prostituição; não há informações suficientes para afirmar quando e como a prática se tornou uma opção entre os casais heterossexuais.

O coito anal: : independe da preferência sexual, é uma forma de prazer na relação. Sua prática entre pessoas heterossexuais destrói o mito de sua relação com a homossexualidade. É importante discernir entre práticas sexuais e preferências sexuais: para compreender melhor a questão.

Pela história, é possível encontrar informações que relacionam a prática do: sexo anal com seguintes aspectos:

  • Demonstração de domínio sobre o outro – pessoas de posições sociais inferiores eram sodomizadas;

  • Obtenção de prazer – mais comum em homens homossexuais;

  • Método para não engravidar – técnica utilizada principalmente por prostitutas na antiguidade;

  • Manutenção da virgindade – utilizada por diversos povos.

E na atualidade? É possível afirmar que estamos tendo mais sexo anal nas relações? Ou estamos tendo maior abertura para se falar sobre? Não existem estudos suficientes que possam dar essas respostas, todavia é possível apontar algumas informações:

  • Crescente prática nos filmes pornôs a partir da década de 90, antes disso, somente era características de filmes hardcore;

  • Atualmente, durante o ato sexual os parceiros tendem a experimentar novas formas de estímulos;

  • Não se fala antigamente sobre a prática, pois sexo anal estava relacionado a pessoas de preferências sexuais: homossexuais;

  • Com avanço em pesquisas, tem se questionado mais sobre as práticas sexuais;

  • Tornou-se mais aceitável na medida em que a informação ficou mais difundida e esclarecida;

  • Continua sendo imoral e inaceitável por algumas religiões, mas criaram-se ou extinguiram-se legislações em que se possa praticar sem ser preso ou punido;

  • Tanto as pesquisas realizadas por Kinsey na década de 40 e pela Durex em 2006 apontaram que pelo menos uma vez praticaram: sexo anal 9% dos homens e 28% das mulheres não-casados e 10% casados; e para 14% de ambos os sexos respectivamente. Para a Durex, 11% dos entrevistados mundialmente gostariam que o: sexo anal fizesse parte das suas práticas sexuais.

4 Comentários »

  1. Patricia dá seu palpite,

    7 agosto, 2007 @ 7:05 pm

    Adorei a matéria sobre sexo anal, mas fiquei curiosa: para quais religiões ele é imoral e inaceitável?

  2. Mustafá Jarouche dá seu palpite,

    9 agosto, 2007 @ 1:32 am

    Olá Patrícia,

    Para todas aquelas que proíbem qualquer prática sexual sem fins reprodutivos. São tantas! Não é possível especificar uma lista. Existe alguma em específico que gostaria de saber?

  3. kristian lindao dá seu palpite,

    30 outubro, 2007 @ 2:28 am

    leia com atenção!

  4. Joaquin dá seu palpite,

    21 novembro, 2009 @ 11:22 am

    gostei muito das informativas, agr minha namorada e meu namorado farão parte dessa experiência.

RSS Feed for comments on this post · TrackBack URI

Deixe seu comentário aqui !